terça-feira, 7 de novembro de 2017

Esteja preparado!




Olá, Povo de Deus!

Existem vários ditados populares que falam sobre o tempo que desperdiçamos... e depois "choramos sobre o leite derramado". E é sobre essa falta de prudência que nos fala o Evangelho (Mt 25,1-13), no 
32º Domingo do Tempo Comum.

Vamos realizar um encontro para que todos entendam direitinho a mensagem dessa parábola que Jesus nos contou?

Tema: Sejamos prudentes!
Palavra: Mt 25,1-13
Material: Um vidro com tampa de metal, barbante, óleo de cozinha usado. Um cartaz com o versículo-chave:"Portanto, vigie, porque você não conhece o dia ou a hora"

Após a acolhida e a oração inicial, comece a conversa assim: Vocês sabem o que fazer durante uma emergência? Os que preparam-se anteriormente atravessam as emergências, sofrendo menos ou nenhum dano. Dê um tempo para que lembrem de situações em que nos preparamos para emergências... botes salva-vidas, colete a prova de balas, kit primeiros-socorros, extintor de incêndios, etc.
É sábio estar preparado, não é?

Vamos escutar a Palavra de Deus: Evangelho (Mt 25,1-13)
PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor!
Jesus contou essa parábola para ensinar a importância de estarmos preparados. O noivo é Jesus e você e eu somos as jovens . Nós também um dia vamos encontrar Jesus. E devemos estar preparados porque não sabemos exatamente quando esse dia chegará. 

Você sabe o que devemos fazer para estarmos preparados? 
Devemos buscar a justiça e o amor, servindo a Deus em primeiro lugar, devemos estar atentos aos sinais de salvação que Ele nos faz. Devemos renunciar as vantagens que o mundo nos oferece e nos absorvem a ponto de perdermos o objetivo final que é a salvação. Devemos convidar Jesus para entrar em nossos corações. Quando fizermos isso, estamos prontos!

Vamos agora fechar nosso encontro fazendo uma lamparina, que será para nós uma lembrança de que devemos ser prudentes e nos preparamos para a Volta de Jesus. Aproveitamos para falar da importância de darmos outro destino ao óleo que seria descartado, poluindo nossos rios e mares.

😊Pegue a tampinha metálica furada com auxílio de um prego, passe o barbante pelo buraco.

😊Despeje o óleo dentro do vidro com auxílio do funil, encha até a metade. Tire o funil e tampe o vidro, apertando bem.  Balance de modo que todo o barbante se umedeça com o óleo.  Assim, a lamparina estará pronta para uso, basta acender com um isqueiro ou fósforo.
























Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo contato, responderei o mais breve possível!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...