IAM


Como Implantar a Infância  e Adolescência Missionária 

1. Estudar as Diretrizes e Orientações da Infância Missionária. 

2. Divulgar a Obra da Infância Missionária na escola, catequese, missas, comunidade, através de cartazes... 

3. Realizar um encontrão convidando todas as crianças, onde através de uma encenação apresentar a História, finalidades e objetivos da Obra da Infância Missionária.

- Preferencialmente, escolha um sábado ou domingo, com duração de 3 horas, para este encontro, com oração, estudo, lanche comunitário, intervalo e algumas brincadeiras sadias.
- a participação feita através de inscrições contendo o endereço completo, telefone, e informações, além do horário do encontro e lanche comunitário.
- No dia do encontro, a equipe de acolhida/recepção, procure identificar cada criança com crachá e entregar o material disponível.
- Acolher a todos com cantos e um momento de festa e alegria.
- Convidar o padre para que faça a acolhida de todos. 

Explicar:

A) Saudação da Infância Missionária ( De todas as crianças do mundo sempre amigos.)
B) Hino da Infância Missionária.) 
C) Os 5 Continentes e a cor de cada um, mostrando que esta é a finalidade da Obra - Abri-se a mundialidade.) 
D) Os padroeiros das Missões.)
E) O lema: Criança Evangelizando Criança.

4. Após este encontro deixar as crianças pensarem sobre o que viram e ouviram. 

5. Após um tempo realizar um novo convite para os que de fato desejam participar. Neste encontro recolocar a história e detalhar melhor como funcionam os grupos da Infância Missionária.)

A) As quatro reuniões ( idéias integradas).
B) O papel do Assessor
C) O papel do Coordenador (criança).
D) O Santo Padroeiro do Grupo.Deixar mais um tempo para que as crianças pensem no que ouviram e viram. 

6. Após um tempo renovar o convite para os que de fato querem fazer parte desta Obra que tem como lema: Criança evangelizando,crianças. 
Os grupos são constituídos de mais ou menos 12 crianças cada grupo.

7. Marcar o encontro e ai sim dividir os grupos, de preferência respeitando a faixa etária. 

8. Após o 13º Encontro cada grupo escolha o seu coordenador, o Santo padroeiro e o dia da semana e horário para o encontro. Os assessores faça a lista com nome e endereço e telefone de cada crianças do grupo. 

INFÂNCIA e ADOLESCÊNCIA MISSIONÁRIA E CATEQUESE

Muitas vezes a Infância Missionária e a Catequese são confundidas. A Infância Missionária não substitui a Catequese, mas sim, complementa a formação, fazendo com que as crianças e pró-adolescentes se tornem verdadeiros missionários. As paróquia que possuem os trabalhos da Catequese e Infância Missionária sintonizados, estão obtendo resultados maravilhosos. 

O Assessor ou Assessora da Infância Missionária ‚é antes de tudo, um amigo de Jesus, que ama a Deus e a todas as pessoas. Dá testemunho de uma autêntica vida cristã e está consciente de sua missão evangelizadora. Á pessoa á ação do Espírito Santo, chamada por Deus, para continuar a missão de Jesus, como missionário, profeta e pastor.
A presença e ação do assessor e da assessora é muito importante. Ele/ ela acompanha, orienta os grupos das crianças e dos pró-adolescentes para que assumam suas responsabilidades e o protagonismo na ação solidária e na evangelização. 

COMO DEVE SER O ASSESSOR OU ASSESSORA? 
Ser uma pessoa de oração, que viva o espírito das bem-aventuranças. 
Estar atualizado no que se refere ao seu papel de assessor, seja criativo e conheça a vida e a história das missões. 
Ser humilde e capaz de torna-se criança com as crianças. 
Manifestar atitudes de doação e de serviço ás crianças e adolescentes e grande amor as missões. 
Amar Maria, a Mãe de Jesus e Rainha dos Apóstolos. 
Ser apóstolo na família das crianças e com seus educadores. 

O QUE FAZ O ASSESSOR OU ASSESSORA DA INFÂNCIA MISSIONÁRIA? 
Orienta, motiva e coordena as crianças, deixando que elas mesmas assumam suas próprias responsabilidades e atuem com espontaneidade e liberdade. 
Impulsiona o espírito missionário universal dos grupos, sendo perseverante, criativo e formativo. 
Programa a ação missionária, de forma continuada, no plano de evangelização da comunidade. 
sinal de unidade, comunhão e coordenação com os demais grupos afim de que o trabalho seja integrado na pastoral de conjunto. 
Está em comunhão e comunica-se com seu pároco, com a coordenação diocesana da Infância Missionária: Conselho Missionário Diocesana (COMIDI), Conselho Missionário Regional (COMIRE) e Pontifícias Obras Missionárias, comunicando suas experiências e recebendo informações e subsídios pedagógicos. 
Transmite entusiasmo, amor a Deus e á Igreja, com seu carinho, compreensão e animação. 
Divulga notícias, subsídios e revistas missionárias. 
Prepara com as crianças-coordenadoras de grupos, os encontros semanais e outras atividades. 
Participa nos encontros e nas atividades da Infância Missionária, nos níveis correspondentes. 
Reza para viver o espírito evangélico das bem-aventuranças e ama. Tem amor á Eucaristia, á Virgem Maria e á Igreja. 

O Assessor / Assessora da Infância Missionária pode ter vários grupos sob sua coordenação, já que seu papel é assessorar e orientar os coordenadores dos grupos. 

QUEM PODE SER ASSESSOR OU ASSESSORA? 

Podem ser jovens, educadores, catequistas, pais e mães de família, leigos e leigas, seminaristas, vocacionadas, religiosas, religiosos, padres. O importante é que queiram comprometer-se com a ação evangelizadora das crianças, despertando seu protagonismo na evangelização e na solidariedade com todas as crianças da terra. 

Um comentário:

  1. a iam ja e parte da minha vida ,nao tem como nao apaixonar com uma obra que ajudam as crianças amar jesus e orar umas pelas outras sem destinçao de raça ou cor espalhadas no mundo inteiro

    ResponderExcluir

Obrigada pelo contato, responderei o mais breve possível!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...