Seguidores

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Santos atacados pelo preconceito...

Hoje é feriado no estado do Rio de Janeiro... Dia de São Jorge!

Você já ouviu ou até mesmo pensa que São Jorge é coisa de macumbeiro?  Para muitos só é devoto de São Jorge quem é da umbanda, candomblé... ou ainda torcedores do time de futebol  Corinthians .
Saiba que isso é errado! É claro que não podemos atingir os santos com nossos preconceitos pois eles já estão na glória de Deus, mas devemos propagar a sua verdadeira história e devoção.  

Existem muitos santos católicos que são estigmatizados pela cultura, pelo misticismo religioso. Um destes grandes santos de nossa Igreja é São Jorge o guerreiro de Deus

A Igreja não só o reconhece como guarda a sua memória litúrgica hoje no dia 23 de abril, celebra-se o martírio deste soldado fiel. 
Jesus Cristo continua pela força do Espírito Santo a vencer nos seus santos, por isso, ao celebrarmos os santos, não estamos em primeiro lugar pedindo a sua intercessão, mas nos admiramos pelo que Deus fez neles. 

Talvez você já tenha tido resistência a este santo pela sua imagem diferente ou pelas coisas que você ouviu, por isso, é preciso conhecer a verdade sobre São Jorge, o guerreiro de Deus!


São JorgeConhecido como 'o grande mártir', foi martirizado no ano 303. A seu respeito contou-se muitas histórias. Fundamentos históricos temos poucos, mas o suficiente para podermos perceber que ele existiu, e que vale à pena pedir sua intercessão e imitá-lo.

Pertenceu a um grupo de militares do imperador romano Diocleciano, que perseguia os cristãos. Jorge então renunciou a tudo para viver apenas sob o comando de nosso Senhor, e viver o Santo Evangelho.

São Jorge não queria estar a serviço de um império perseguidor e opressor dos cristãos, que era contra o amor e a verdade. Foi perseguido, preso e ameaçado. Tudo isso com o objetivo de fazê-lo renunciar ao seu amor por Jesus Cristo. São Jorge, por fim, renunciou à própria vida e acabou sendo martirizado.

Uma história nos ajuda a compreender a sua imagem, onde normalmente o vemos sobre um cavalo branco, com uma lança, vencendo um dragão:

“Num lugar existia um dragão que oprimia um povo. Ora eram dados animais a esse dragão, e ora jovens. E a filha do rei foi sorteada. Nessa hora apareceu Jorge, cristão, que se compadeceu e foi enfrentar aquele dragão. Fez o sinal da cruz e ao combater o dragão, venceu-o com uma lança. Recebeu muitos bens como recompensa, o qual distribuiu aos pobres.”

Verdade ou não, o mais importante é o que esta história comunica: Jorge foi um homem que, em nome de Jesus Cristo, pelo poder da Cruz, viveu o bom combate da fé. Se compadeceu do povo porque foi um verdadeiro cristão. Isto é o essencial.

Ele viveu sob o senhorio de Cristo e testemunhou o amor a Deus e ao próximo. Que Ele interceda para que sejamos verdadeiros guerreiros do amor.

São Jorge, rogai por nós!

Um comentário:

Obrigada pelo contato, responderei o mais breve possível!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...