sexta-feira, 31 de agosto de 2012

São Raimundo Nonato

Bom dia meus amado Povo de Deus!

Se vocês pensam  que  Raimundo Nonato  é apenas a personagem da famosa Escola do prof.Raimundo, se enganou.
Hoje, é dia deste  santo.  Vejam que linda sua história!

Por ter encontrado dificuldades para vir à luz, é invocado como patrono e protetor das parturientes e das parteiras (seu nome significa "não nascido" porque foi extraído vivo das entranhas da mãe já morta). 

São Raimundo Nonato nasceu na Espanha, no ano de 1200. Ainda menino, teve de guardar o gado e, durante seus anos de pastor, visitava constantemente uma ermida de São Nicolau, onde se venerava uma imagem de Nossa Senhora de quem era devotíssimo. Conta-se que, durante as horas que passava aos pés de Maria, um anjo lhe guardava o rebanho.

Desde jovem, Raimundo Nonato percebeu sua inclinação à vida religiosa. Seu pai buscou, sem êxito, impedi-lo de corresponder ao chamado vocacional. Ao entrar para a Ordem de Nossa Senhora das Mercês, pôde receber do fundador: São Pedro Nolasco, o hábito. Assim, tornou-se exemplo de ardor na missão de resgatar das mãos dos mouros, os cristãos feito escravos. 

Certa vez, São Raimundo conseguiu liderar uma missão que libertou 150 cristãos, porém, quando na Argélia acabaram-se os recursos para o salvamento daqueles que corriam o risco de perderem a vida e a fé, o Missionário e Sacerdote Raimundo, entregou-se no lugar de um dos cristãos. Na prisão, Raimundo pregava para os muçulmanos e cristãos, com tanta Unção que começou a convertê-los e desse modo sofreu muito, pois chegaram ao extremo de perfurarem os seus lábios com um ferro quente, fechando-os com um cadeado. 

Foi mais tarde libertado da prisão e retornou à Espanha. São Raimundo Nonato, morreu em Cardona no ano de 1240 gravemente doente. Não aguentou atingir Roma onde o Papa Gregório IX queria São Raimundo como Cardeal e conselheiro. 

O seu corpo foi descansar na mesma ermida de São Nicolau em que orava nos seus anos de pastor.

São Raimundo Nonato, rogai por nós!

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Atividade Mandamentos da Igreja


quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Minha irritação e perplexidade...


Bom dia Povo de Deus!!!
Como catequistas devemos formar e expor nossas opiniões, principalmente quando com elas poderemos impedir que se proliferem verdadeiras heresias contra Nosso Senhor  Jesus Cristo!
Circulam pela internet algumas notícias sobre o novo filme protagonizado por Renato Aragão, intitulado “O segundo filho de Deus”.
Até aí tudo bem... todos nós somos filhos de Deus.  Mas o problema é que o roteiro deste filme coloca Renato como o suposto “segundo filho de Deus” que vem para cumprir a missão que Jesus fracassou. 
Isso é um absurdo! É a mais pura blasfêmia, heresia!  É loucura! 
Nós com alegria e orgulho para proclamamos a Palavra de Deus...
Ensinamos as crianças que Jesus é o nosso Salvador, que veio e redimiu o mundo através de seu sacrifício... que deu a vida por nós...
que na cruz Ele nos afirmou: 
ESTÁ CONSUMADO!  
Agora alguém que se intitula cristão, que até já subiu na imagem do Cristo Redentor, que inúmeras vezes esteve no santuário de Aparecida, aparece com uma ideia tão absurda quanto esta. De trapalhão quer agora atrapalhar as cabecinhas de nossas crianças???
Cristão que é cristão não se contradiz, mas testemunha sua fé onde quer que esteja!
Como disse   na internet está circulando isso... quem sabe com a graça de Deus esse filme não chegue aos cinemas , mas  caso chegue que nós  cristãos  estejamos firmes na nossa Fé em Jesus e que manifestemos nossa indignação não indo ver e explicando as crianças o motivo que elas também não deverão ver.
Aguardemos o desenrolar desta história, enquanto isso, rezemos pela nossa conversão e pela do Sr. Renato Aragão!
Fiquem com Deus!


terça-feira, 28 de agosto de 2012

Encontro de Catequistas -Diocese de Campos/RJ

Olá turminha de Deus!
Hoje trago para vocês compartilharem a alegria vivida por nós catequistas no domingo no Encontro Diocesano de Catequistas.  Foi tudo muito lindo, o encontro foi no Centro de Formação João Paulo II em Itaperuna-RJ.

A nossa alegria (Catequistas da Paróquia São José) foi em dobro pois como Padre responsável pela Catequese Diocesana temo o nosso estimado Pároco Pe. Fabio de Melo.












Santo Agostinho - 28 de Agosto



Bom dia Povo de Deus!

Hoje nós e o Céu comemoramos o dia de Santo Agostinho.   Gosto de mais de ler e contar a sua história... através dela podemos ver que a misericórdia de Deus pode nos alcançar...  Agostinho não nasceu santo... pelo contrário... andou muito tempo afastado de Deus, mas quando aconteceu a sua conversão... que coisa maravilhosa!
É o pensador que, através da sua vasta produção literária, marcou mais profundamente a especulação cristã. Sua profunda cultura humanista tornou-se sensível aos grandes temas que preocupavam e preocupam o ser humano: o bem e o mal, a liberdade, o destino humano, a história e sobretudo o dilema entre fé e razão. 

Várias de suas obras figuram no rol das mais importantes da Literatura Universal, como os Solilóquios, As Confissões e a Cidade de Deus. Esta última, em particular, influenciou decisivamente os rumos políticos e as práticas sociais da cristandade medieval.

Nasceu Santo Agostinho no ano de 354 d.c. numa região chamada Numídia. Sua trajetória intelectual, antes de chegar ao cristianismo, passa por períodos de apego à vida mundana, ao materialismo, ao maniqueísmo e termina no platonismo largamente influenciado pelo ceticismo da nova academia. Manifesta sua preferência pelo platonismo, considerando-o a mais pura e luminosa filosofia da Antigüidade.

Santo Agostinho inaugura de certa maneira “A era da incerteza dogmática”. O problema das relações entre a razão e a fé que seria o problema fundamental da escolástica medieval, atormentava a mente de Santo Agostinho. 

Estudava desesperadamente matemática, filosofia, mecânica (a física na época era rudimentar), teologia, com o propósito de explicar a existência de Deus através da razão humana. 

Observava a natureza e acreditava que o homem através de sua inteligência iria finalmente explicar o porquê de Deus e colocar os parâmetros da fé em bases científicas. Observe o leitor que essa busca frenética continuou acontecendo e é motivo de desconforto para a ciência, sobretudo nos dias de hoje. 

Santo Agostinho não descansava, passava horas a estudar e a meditar, tentando entender o que significava onipresença, onisciência, infinito, Santíssima Trindade, consubstanciação, espírito e corpo, diversidade espiritual, atemporalidade. Várias vezes foi visto vagando sozinho na noite, angustiado, tentando descobrir a resposta científica para a fé. 

Como se libertar da dúvida cética?

Certo dia, Santo Agostinho, após longo período de trabalho e muito compenetrado na sua angústia, adormeceu no claustro. Teve um sonho revelador: caminhava sobre uma praia deserta, a contemplar o mar e o céu. De repente, avistou um menino que com um balde de madeira ia até a água do mar, enchia o balde e voltava, onde despejava a água num pequenino buraco na areia. Santo Agostinho, perplexo e curioso perguntou ao menino: - O que você está fazendo? O menino calmamente olhou para Santo Agostinho e respondeu: - Vou colocar toda água do mar nesse buraco! Santo Agostinho sorriu e retrucou: - Isso é impossível garoto. Observe quanta água existe no oceano e você quer colocá-la toda nesse diminuto buraco! Mais uma vez o menino olhou para Santo Agostinho e de forma ríspida e corajosa disse: - Em verdade vos digo. É mais fácil colocar toda água do oceano nesse pequeno buraco do que a inteligência humana compreender os mistérios de Deus!! E num átimo Santo Agostinho acordou assustado e desorientado. Tivera uma mensagem divina que acalmaria sua alma conturbada.

Que essa história sirva também aos nossos dias. O homem precisa rever posições, precisa abandonar seu humanismo cético em favor do dogma teológico. Não pode haver ciência sem base teológica. Aqueles que duvidam disso, lembrem-se do menino.

Paz de Cristo!


 

Mural mês da Bíblia

Olá povo de Deus!
Passando por aqui para postar o mural que fiz... pode ser que sirva de ideia para alguém!
Setembro é o mês da Bíblia, vamos nos preparar!



segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Santa Monica - 27/08



Ela nasceu em Tagaste, Algéria, em 332. Casou-se cedo com Patrício; ele era pagão e tinha um temperamento violento.
A vida de casada de Mônica era muito difícil, seu marido se aborrecia com suas orações.
Muitas mulheres de Tagaste tinham problemas em casa e Mônica, com sua doçura e paciência, era um exemplo para elas.

O casal teve três filhos: Agostinho, Navigius e Perpétua. Nenhum deles foi batizado enquanto pequeno. Agostinho lhe dava muitos problemas e foi mandado para Madaura para estudar. Ela após anos de sofrimentos e perseverança na oração teve uma compensação: a conversão de seu marido, que morreu logo depois.

Santa Mônica decidiu não se casar novamente. Nesse ínterim, Agostinho foi seguir seus estudos em Cartago, onde aderiu à seita dos maniqueus.

De volta em casa, Agostinho levanta proposições heréticas e sua mãe o expulsa, mas ela volta atrás. Santa Mônica vai se aconselhar com um bispo, que a ajuda a perceber que o tempo da conversão de Agostinho ainda não tinha chegado.

Agostinho viaja escondido para Roma e sua mãe o segue. Quando ela chega, ele já tinha partido para Milão e ela continua em seu percalço; chegando, ela conhece o bispo de Milão, Santo Ambrósio, que contribui para a conversão de Santo Agostinho em 386. 

Agostinho é batizado no ano seguinte, na igreja de São João Batista, em Milão. Ainda em 387 resolvem voltar à África e Santa Mônica morre na viagem, em Ostia, perto de Roma, onde é enterrada.Antes de morrer ela mesma disse ao filho, já convertido e cristão: "Uma única coisa me fazia desejar viver ainda um pouco, ver-te cristão antes de morrer". 

Em 1430, o Papa Martinho V ordenou que suas relíquias fossem levadas para Roma e muitos milagres aconteceram no caminho, consolidando o culto da santa. O arcebispo de Rouen, Cardeal d'Estouteville, construiu uma igreja em Roma em honra a Santo Agostinho e depositou as relíquias de sua mãe em uma capela à esquerda do altar principal. O Ofício de Santa Mônica só entrou no Breviário Romano no século XVI.

Em 1850 foi criada na Notre Dame de Sion, em Paris, uma associação de mães cristãs com o patronato de Santa Mônica, com o objetivo de fazer orações mútuas por maridos e filhos. Esta associação foi elevada a arquiconfraria em 1856 e se espalhou rapidamente pelo mundo católico, com filiais em Dublin, Londres, Liverpool, Sidney e Buenos Aires.

Oração(para pedir a conversão de um filho)
Ó Santa Mônica, que pela oração e pelas lágrimas, alcançastes de Deus a conversão de vosso filho transviado, depois santo, Santo Agostinho, olhai para o meu coração, amargurado pelo comportamento do meu filho desobediente, rebelde e inconformado, que tantos dissabores causou ao meu coração e a toda a família. Que vossas orações se juntem com as minhas, para comover o bom Deus, a fim de que ele faça meu filho entrar em si e voltar ao bom caminho.
Santa Mônica, fazei que o Pai do Céu chame de volta à casa paterna o filho pródigo. Dai-me esta alegria e eu serei sempre agradecido(a).
Santo Agostinho, rogai por nós. Santa Mônica, atendei-me. Amém.

Deus quer a nossa felicidade

 Bom dia Povo de Deus!
Hoje eu estou muito contente... e vou contar o motivo!
Estou viva e Jesus me ama!
Então xô tristeza! Xô baixo astral!!!  Vamos incentivar e estimular nossos catequizandos a serem felizes?
Com certeza algum deles deve conviver com alguém que sofre de depressão... Vamos então pedir a Jesus que eles sejam instrumentos para espantarem a depressão de seus lares.
Deus nos quer felizes, o céu está aberto e trazer essa alegria no nosso dia-a-dia, mesmo diante das dificuldades é dizer pro mundo, eu sou repleto da presença de Deus, eu sou feliz porque busco a Santidade.
Preparei essa atividade que deve ser lida e preenchida entre muita conversa... 
e para descontrair depois separei esse vídeo para que usem esta musiquinha que as crianças amam cantar e dançar.

Espero que gostem!
Paz de Cristo!

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Vamos ajudar? "Que a saúde se difunda sobre a terra"

Olá Povo de Deus!

"A solidariedade é contagiosa. 

Contagie e se deixe contagiar."

Nossa  querida  Catequista Unida Sheila do semeandocatequese.blogspot.com está passando por um momento delicado... Descobriu que está com uma doença degenerativa da córnea chamada Ceratocone.

E não tem cura,  só com transplante de córnea e mesmo assim não dá 100% de chance.  Ainda mais que a lesão ocorreu após a cirurgia de miopia.  Está também com suspeita de glaucoma, pois a pressão dos olhos está bem elevada.

Resumindo: o problema é grave mas para Deus nada é impossível e por esse motivo já a coloquei nas intenções do Grupo de oração e Intercessão, tenho certeza de que a Sheilinha será merecedora dessa graça... mas precisamos orar e fazer a nossa parte, né?


Ela não tem condições e eu também sozinha não conseguiria pagar a cirurgia que ela necessitará fazer, mas tenho certeza de que com a ajuda de todos vocês catequistas e visitantes conseguiremos o valor para ajudar para que a Sheila não perca a visão completamente.
Criei então a famosa "vaquinha"... conto com sua ajuda e divulgação!
    Cirurgia que implanta um anel para moldar a córnea: Clique e Participe da vaquinha! 
Acompanhe o andamento da campanha na lateral de meu blog.
Paz de Cristo!

O que são símbolos de fé?



YOUCAT

Primeira Parte: Em que cremos


Segunda seção: O Credo cristão

 26. O que são símbolos de fé?

"Símbolos de fé são definições abreviadas da fé, que possibilitam uma confissão comum a todos os crentes[185-188, 192-197]

Tais definições abreviadas encontram-se já nas cartas paulinas. O protocristão Símbolo dos Apóstolos possui uma especial dignidade por ser uma síntese da fé dos Apóstolos. O grande símbolo da fé tem um alto prestígio porque proveio dos grandes concílios da então ainda indivisa Igreja (Niceia, 325; Constantinopla, 381) e permaneceu até hoje como a base comum dos cristãos do Oriente e do Ocidente."

Para que precisa a fé de definições e de símbolos?



YOUCAT

Primeira Parte: Em que cremos


Segunda seção: O Credo cristão

 25. Para que precisa a fé de definições e de símbolos?

"Na fé, o que está em jogo não são palavras vazias, mas a realidade. Na Igreja, cristalizaram-se ao longo do tempo símbolos de fé, com a ajuda dos quais contemplamos, expressamos, aprendemos, transmitimos, celebramos e vivemos essa realidade[170-174]

Sem formas densas dilui-se o conteúdo da fé. Por isso a Igreja dá muito valor a determinadas proposições cuja expressão foi alcançada, na maioria das vezes, com muita dificuldade, para proteger a mensagem de Cristo de equívocos e adulterações. Os símbolos de fé são igualmente importantes na medida em que a fé da Igreja é traduzida para diferentes culturas, devendo manter-se na sua essência."

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Dia de Nossa Senhora Rainha - 22 de Agosto


Nossa Senhora, verdadeira Mãe de Jesus Cristo, Rei do Universo, é invocada hoje com o título de Rainha do Céu e da Terra. 

A liturgia sagrada já invoca a Mãe de Deus com os títulos de Rainha dos Anjos, dos Patriarcas, dos Profetas, dos Apóstolos, dos Mártires, dos Confessores, das Virgens, de todos os Santos, Rainha Imaculada, Rainha do Santíssimo Rosário, Rainha da Paz e Rainha Assunta ao Céu. 

Este título de Rainha exprime então o pensamento de a Santíssima Virgem se avantajar a todas as ordens de santidade e de virtude, Rainha dos meios que levam a Jesus Cristo, e de que, sendo Rainha assunta ao Céu, já era sobre a terra, isto é, Rainha reconhecida pela terra e pelo céu como sendo a criatura mais perfeita e mais avantajada em toda a santidade e semelhança de Deus Criador! 

Mas, quando falamos no título da Realeza de Maria Santíssima, trata-se da Realeza que Lhe cabe por direito como Soberana, deduzida das suas relações com Jesus Cristo, Rei por direito de tudo o criado, visível e invisível, no céu e na terra. 

Jesus Cristo tem todas os seus reflexos na Santíssima Virgem, Sua Mãe admirável: 
Assim Jesus Cristo é o Autor da graça, e Sua Mãe é a dispenseira e intercessora de todas as graças; 
Jesus Cristo está unido à Santíssima Virgem pelas suas relações de Filho e nós, corpo místico de Jesus Cristo, estamos também unidos a Sua Mãe pelas relações que Ela tem conosco como Mãe dos homens. 
E assim, pelo reflexo da Realeza de Jesus Cristo, seu filho, Ela é Rainha do céu e da terra, dos Anjos e dos homens, das famílias e dos corações, dos justos e dos pecadores que, na Sua Misericórdia real, encontram perdão e refúgio. 

Maria Santíssima, Rainha do Céu e da terra, foi sempre a vencedora de todas as batalhas de Deus: Voltem-se os governantes do mundo para Ela e o Seu cetro fará triunfar a causa do bem, com o triunfo da Igreja e do Reino de Deus!

domingo, 19 de agosto de 2012

DICAS COM PINCÉIS


Dedos…

Penas de aves…

Gravetos com pelos nas pontas…

Buril de pedra…

Tufos feitos de musgo…

Graveto de carvão…

Piuá…

Cabo de bambu…

Virola de talo de pena…

Não importa a origem

e o formato que tem,

da nossa arte

ele sempre fará parte.

Mas para o pincel durar

Você precisa dele cuidar.

Por isso algumas dicas vou dar.

Não deixe a tinta secar,

limpe depois de usar

para mais trabalho ele não dar.

É fácil conservar:

o excesso de tinta deve tirar,

no solvente certo limpar,

no sabão esfregar,

com água lavar,

com cerdas para cima deixar secar,

passe um pente para arrumar,

o óleo usar

e no papel enrolar.


Mas se estas dicas são poucas para você, dê uma olhada na lista abaixo

1.     Betume - aguarrás

2.     Cola aguada - água

3.     Cola Cascola (Cola de Sapateiro) - Reducola

4.     Cola pura - água

5.     Craquelador - água

6.     Esmalte vitral - solvente ou thinner

7.     Extrato de nogueira – água

8.     Gel glaze - água

9.     Goma laca – álcool

10.  Purpurina - álcool

11.  Tinta acrílica - água

12.  Tinta acrílica para tela – água

13.  Tinta a óleo para tela - água rás, terebintina, ecosolv, e diluente eco

14.  Tinta camurcil – água

15.  Tinta esmalte sintético – aguarás

16.  Tinta guache – água

17.  Tinta laca – thinner

18.  Tinta óleo – aguarrás

19.  Tinta para tecido – água

20.  Tinta plástica – água

21.  Tinta PVA - água

22.  Verniz acrílico – água

23.  Verniz craquelê – água

24.  Verniz cristal – thinner

25.  Verniz geral – thinner

26.  Verniz knotting – álcool

27.  Verniz marítimo - thinner

28.  Verniz mordente - água

29.  Verniz Sparlack Extra – águaraz

30.  Verniz vitral – thinner


Dicas encontradas na NET usadas por pessoas que entendem do assunto:

1.     Se for cascares cola branca deixe de molho um pouco em água morna, lave com shampoo, retire a cola aos poucos para não quebrar as cerdas.

2.     Se for cola de contato limpe com gasolina.

3.     Cada vez que parar de usar o pincel, ponha dentro da água agitando bem e nunca os deixe dentro do recipiente de limpeza pois eles poderão ser danificados .

4.     Mas se ele endurecer, ponha em uma panela com sabão em pó no fogo brando e ele amolece.

5.     Passe no sabão comum e uma escovinha para cabelo afro.

6.     Ferver os pincéis de vez em quando com condicionador ou amaciante, ajuda a mante-los soltos.

7.     Pincéis que você usa com tinta solúvel em água, também ficam mais conservado e macios se lavados com sabonete e água quente.

8.     Esfregue o pincel com sabão e depois enxague bem.

9.     Passe nos  pincéis condicionador de cabelos e arrume as cerdas.

10.  Nunca guarde os pincéis molhados em embalagens fechadas. Até sua completa secagem, mantenha-os com as cerdas para cima para evitar a deformação.

 Agindo desta forma você estará contribuindo com um romance que deu certo até hoje:

o amor entre pincel e a tinta…

Ana Katia

Mandamentos da Igreja - Mudou em 2005, você sabia? Continuação

Olá povo de Deus!
Recebi alguns e-mails e também a Cris comentou no post anterior sobre a mudança no enunciado do 5º mandamento...  a verdade é que foi pouco comentado... mas divulgado foi.  

O fato é que muitas vezes nós católicos não nos habituamos a  ler as notícias diretamente na fonte... muitas vezes fazemos parte de determinadas pastorais mas não aprofundamos nossos conhecimentos sobre o tema... é uma pena mas é a realidade.  

Costumo dizer que  a maioria das pessoas compram equipamentos novos mas não querem perder tempo lendo o manual.... ou então olham apenas as figurinhas para verem como montam...rsrsr   Não é verdade? Aí acabamos perdendo detalhes que podem fazer a diferença.  Neste quesito eu sou super enjoadinha... amo ler o manual antes de ligar novos equipamentos... as vezes quando acabo de ler meus filhos já estão até usando... mas eu leio...rsrrs

E o nosso manual é o Catecismo da Igreja Católica.

Bom voltando ao tema do post... podem pesquisar e carinhosamente divulgar para as pastorais das paróquia da qual fazem parte pois se ainda usam o termo antigo, não estão seguindo o que nossa Igreja através do Papa Bento XVI prega... se não sabiam não pecavam... mas agora que contei para vocês é dever anunciar a mudança e evangelizar corretamente.

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA
A IGREJA, MÃE E EDUCADORA

II. Os preceitos da Igreja
2041. Os preceitos da Igreja inserem-se nesta linha duma vida moral ligada à vida litúrgica e nutrindo-se dela. O carácter obrigatório destas leis positivas, promulgadas pelas autoridades pastorais, tem por fim garantir aos fiéis o mínimo indispensável de espírito de oração e de esforço moral e de crescimento no amor a Deus e ao próximo. Os preceitos mais gerais da Igreja são cinco:
2042. O primeiro preceito («Ouvir missa inteira e abster-se de trabalhos servis nos domingos e festas de guarda») exige aos fiéis que santifiquem o dia em que se comemora a ressurreição do Senhor, bem como as principais festas litúrgicas em honra dos mistérios do Senhor, da Bem-aventurada Virgem Maria e dos Santos, que a Igreja declara como sendo de preceito, sobretudo participando na celebração eucarística em que a comunidade cristã se reúne e descansando de trabalhos e ocupações que possam impedir a santificação desses dias (86).
O segundo preceito («Confessar-se ao menos uma vez em cada ano») assegura a preparação para a Eucaristia, mediante a recepção do sacramento da Reconciliação que continua a obra de conversão e perdão do Baptismo (87).
O terceiro preceito («Comungar ao menos pela Páscoa da Ressurreição») garante um mínimo na recepção do Corpo e Sangue do Senhor, em ligação com as festas pascais, origem e centro da liturgia cristã (88).
2043. O quarto preceito («Guardar abstinência e jejuar nos dias determinados pela Igreja») assegura os dias de ascese e de penitência que nos preparam para as festas litúrgicas e contribuem para nos fazer adquirir domínio sobre os nossos instintos e a liberdade do coração (89).
O quinto preceito («prover as necessidades da Igreja, segundo os legítimos usos e costumes e as determinações») aponta ainda aos fiéis a obrigação de prover, às necessidades materiais da Igreja consoante as possibilidades de cada um (90).

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Mandamentos da Igreja - Mudou em 2005, você sabia?

Bom dia Povo de Deus!
Estava com saudades... é só ficar uns dias sem postar e fico assim.... rs
Mas não estou afastada da Missão... tenho postado no face book e tenho orado muito junto com algumas pessoas abençoadas que Jesus vai trazendo... estou falando do Grupo de Oração e Intercessão... Se você desejar nossas orações passe por lá e deixe sua intenção que estaremos intercedendo por você.

Voltando ao post de hoje... venho desenvolver o tema dos Mandamentos da Igreja Católica Apostólica Romana da qual fazemos parte com muito amor.

Devemos  esclarecer para que não confundam com os Dez Mandamentos da Lei de Deus.

É importante divulgar que em 2005 o Papa Bento XVI, suprimiu o termo "dízimos" do quinto mandamento (pagar dízimos conforme o costume), cujo sentido real era, obviamente, contribuição, não taxação ou imposto.


Uma boa brincadeira para este encontro é a "Boca do Forno"  - Quem lembra???

BOCA DO FORNO
Uma criança é escolhida para ser o “mestre”, as outras crianças deverão cumprir a ordem que o mestre mandar.
A brincadeira começa com o mestre fazendo as perguntas e todos juntos respondem

Mestre diz: Boca de forno?
Todos: Forno!
Mestre: Tira bolo?
Todos: Bolo!
Mestre: O que o mestre mandar?
Todos: Faremos todos!
Mestre: E se não fizer?
Todos: Ganharemos bolo!

O mestre dá a ordem e todos saem correndo para executá-la:
Ex.: Vai ali, vai ali, vai ali e traga uma pedrinha redondinha!; Vai ali, vai ali, vai ali e abrace um poste! Vai ali, vai ali, vai ali e traga uma formiguinha viva! Use a criatividade! As crianças cumprem a ordem rapidamente e voltam correndo para a roda. Quem chegar por último leva “bolo” (ou tapinha na mão). O “bolo” pode ser substituído por uma “tarefa”  (as crianças escolhem alguma atividade – cantar, imitar um palhaço, fazer ginástica, etc – para o que chegou por último fazer).

Bom Encontro!
Paz de Cristo!!!

domingo, 12 de agosto de 2012

Reciclando e vendendo...

Olá  povo amado!

Como sabem amo reciclar... essas foram as reciclagens da semana!






Dia dos Pais!

A todos os Papais que passarem 
por aqui hoje,
contem com minhas orações.
Que Deus os abençoe e ilumine!

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Santa Filomena - 10 de agosto


Santa Filomena era filha de um rei da Grécia, e sua mãe era também de sangue real; como não lhes vinham filhos, ofereciam sacrifícios e preces constantemente a seus falsos deuses para consegui-los.
Providencialmente, o médico do palácio, de nome Públio, era cristão. Penalizado pela cegueira espiritual de seus soberanos e inspirado pelo Divino Espírito Santo, falou-lhes da nossa Fé, garantindo-lhes que suas orações seriam ouvidas se abandonassem os falsos deuses e abraçassem a Religião Cristã.
Impressionados com o que ouviram, e tocados pela Graça, resolveram receber o Batismo, após o qual lhes nasceu uma linda filhinha no dia 10 de janeiro do ano seguinte.
Imediatamente, chamaram-na de Lumena ou luz, por ter nascido à luz da fé.
Na pia batismal deram-lhe o nome de Filomena, isto é, Filha da Luz, da Luz Divina que lhe iluminou a alma por meio desse Augusto Sacramento.
O Papa Gregório XVI, tendo recebido o parecer favorável da Sagrada Congregação dos Ritos à canonização de Santa Filomena, elevou-a à honra dos altares, instituindo ofício próprio para o culto e a festa, proclamando-a 'A Grande Taumaturga do Século XIX', 'Padroeira do Rosário Vivo' e 'Padroeira dos Filhos de Maria'.
As relíquias de Santa Filomena ainda são preservadas em Mugnano, na Itália.

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Roteiro para homenagem aos pais.

Olá povo de Deus,
Daqui a pouco estou indo pro grupo de oração... só vim deixar esse roteiro que montei para uma comemoração no colégio... é simples mas pode ser que ajude alguém.
Paz de Cristo!


HOMENAGEM AOS PAIS
  • Comentárista: Hoje nos reunimos para celebrarmos o dom da vida de nossos pais.  Nossos pais biológicos, nossos pais adotivos, nossos padrastos, padrinhos ou avós que com muito amor cuidam de nós.
    Na bíblia encontramos várias passagens que nos ensinam  o valor dos pais, mas a que mais me encanta é o Mandamento:    Honra teu pai e tua mãe, para que teus dias se prolonguem sobre a terra que te dá o Senhor, teu Deus” Êxodo 20, 12

    Os pais são pessoas felizes e satisfeitas.  Felizes com o amor que encontraram, com os amigos que fizeram, com as coisas que têm.   Estão felizes e são felizes porque amam e são amados pelos filhos.
  • Mensagem lida por uma criança:  “O pai da gente”

    O pai da gente, é um pai alegre, bem humorado, amigo do peito.
    Mas que também fica nervoso!... (risos)
    O pai da gente, quer ter o direito de às vezes ficar quietinho, de brincar, de voltar a ser criança.
    O pai da gente, quer também ter o direito de se cansar de ser sempre durão!  
    O pai da gente, às vezes tem medo... Porque é gente!  Super  herói só existe na TV!
    O pai é de carne e osso,  igualzinho a você!
    E precisa de carinho... de atenção!
    E às vezes de um suquinho feito por sua mão!
    Hoje em dia o pai precisa de uma energia dobrada...
    Pois além do seu trabalho, ele tem sempre que ajudar...
    E até fralda molhada ele já sabe trocar!
    Você está percebendo que os tempos estão mudando!
    A mulher trabalhando fora...
    O homem em casa ajudando...
    A criança participando!
    Coisa boa de ver!!!
  • Canto
  • Comentarista: Cada um de nós é chamado a ser sal da terra e luz do mundo; sinais de Deus.
    Você papai é o farol do seu filho, portanto nunca deixe de iluminá-lo.
  • Todos:  Ser pai é procurar ser amigo, espelho e mestre do seu filho.
  • Comentarista:  Agradeçamos aos nossos pais por tudo que são em nossas vidas.
Meninas: pela mamãe que escolheste para mim...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninos: pelo meu lar e pedacinho do céu, que os dois juntos construíram...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninas: pelo beijo que me dás cada manhã, quando vais para o trabalho...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninos: pelo meu primeiro livro, quando entrei na escola...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninas: Pelas broncas que me dás, de vez em quando ou de vez em sempre...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninos: Pelas palmadas, por poucas ou muitas, no lugar preciso e na hora certa!
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninas: pelas tardes de sábado, domingo ou feriado que ficas em nossa companhia...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninos: Pelo honrado nome que herdei pelo que tenho de parecido contigo...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninas: Porque tu és bom, generoso, terno, amigo, trabalhador e corajoso...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninos: Porque em tudo é um verdadeiro exemplo para a família e amigos...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
Meninas: Porque tu me ensinaste o caminho do bem e do dever...
TODOS: Eu Te Agradeço, Papai!
TODOS: (com as mãos postas)  Nós te agradecemos, PAPAI DO CÉU, e te pedimos que abençoe ricamente nosso papai, hoje e para sempre.   Amém!!!

·        Canto

JOGRAL
·        Criança 1: Pai nosso de todos os dias, imagem e semelhança do Papai do Céu.
·        Criança 2: Um ser especial, um companheiro fiel, fonte de amor, de esperança e de sabedoria.
·        Criança 3: Tudo que sabemos e somos aprendemos contigo.  Ensinaste-nos dando exemplos, fazendo!
         Assim crescemos, fazendo, aprendendo, sempre vendo em ti um modelo, um amigo.

·      Criança 4: De ti, trazemos no sangue e nomes, gotas e pedacinhos verdadeiros símbolos de amor e carinho, que se integraram á nossa vida, fazem parte do nosso ser.
·        Criança 5: Ser pai é mais que missão.  É exercício pleno do amor, através da entrega e da doação.
        É dar a própria vida para que os filhos possam viver.

·        TODOS: Obrigado papai pela vida.

Oração dos pais: (os pais oram pelos filhos, todos com a mão no coração.)

Meu Deus, eu vos ofereço meus filhos; 
vós me destes, e eles vos pertencerão para sempre; 
eu os educo para vós e vos peço que os conserveis para a vossa glória.  

Senhor, que o egoísmo, a ambição, a maldade não os desviem do bom caminho.

Que eles tenham força para agir contra o mal e,
 que todos os seus atos sejam sempre e unicamente movidos para o bem.  

Há tanta maldade nesse mundo, Senhor, 
e vós sabeis como somos fracos e como o mal, muitas vezes, nos fascina; 
mas vós estais conosco e eu coloco meus filhos sob a vossa proteção.

Seja nossa luz força e alegria, Senhor, 
para que eles vivam por vós nesta terra,  
e no céu todos juntos um dia possamos gozar 
de vossa companhia para sempre. 
Amém. 

  • Comentarista: Pedimos que cada criança vá até seu pai , entregue a lembrança que preparamos e fiquem abraçados  até o final.
  • Comentarista: Pai é exemplo, é mestre, é herói.  Pai é aquele enviado que ajuda a vencer os obstáculos.  Pai é aquele que enxerga no filho o melhor que há dentro dele e o estimula a alcançar ainda mais.   
Feliz Dia dos Pais!

  • Canto Final.